28 de outubro de 2015

Entrevistando Um Nacional: Cinthia Freire

 Esse mês tive o prazer de poder entrevistar a autora de Um Novo Amanhecer (aliás, a resenha do livro está aqui).
Conheci a autora pelo facebook e tive a chance de obter meu exemplar de seu livro autografado na Bienal do Livro de 2012. Bom, antes de começar colocando a sinopse de Um Novo Amanhecer, gostaria de agradecê-la por responder todas as perguntas :D



Giulia está arrasada! Seu namoro chegou ao fim e ela não sabe o que fazer.Léo está confuso e com medo, seu tempo de vida está acabando e ele não quer magoar sua namorada.Zyon é um anjo perdido, e apesar de saber que está em uma missão na Terra, ele não tem ideia exatamente que o aguarda.Em uma tarde chuvosa, o caminho dos três se cruza de forma trágica e comovente.Uma garota apaixonada...Um rapaz doente...Um anjo perdido...Eles serão capazes de lidar com a força do verdadeiro amor? 



Quando foi que surgiu seu amor por livros e porque começou a escrever?
Olá, meu amor pelos livros surgiu na escola, minha professora de português sempre nos incentivava a ler, eram dois obrigatórios por ano e as 11 li meu primeiro livro " O caso da borboleta Artiria" da coleção Vaga lumes, e depois não parei mais.

Como foi a experiência de publicar Um Novo Amanhecer? E qual foi a maior dificuldade que encontrou no meio do caminho?
Foi uma avalanche de sentimentos, medo, expectativa, ansiedade, alegria, emoção, orgulho.... Tudo junto e misturado rsrs
Acho que dificuldades todos encontramos em todas as profissões que escolhemos seguir, se quer se destacar tem que ralar muito, no meu caso ainda estou no começo e acredito que tem um longo e trabalhoso caminho pela frente, mas amo o que faço, e isso faz tudo valer a pena.

Os personagens de Um Novo Amanhecer - Giulia, Zyon e Leo - são inspirados em alguém que você conhece, em você mesma, ou não?
Acredito que todos nossos personagens levam um pouco de nós, sim tem um pouco de mim em cada um deles, mas é algo muito sutil, o Leo foi um pouco inspirado no meu primeiro amor, aquele da infância sabe? Aquele garoto bonito da escola que todas as meninas amam? Pois é, acho que todas as meninas já tiveram um Leo na vida.

Além de Um Novo Amanhecer, você tem um livro publicado no Wattpad. "Antes dos 20". Como surgiu a ideia dessa história? 
Antes dos vinte foi meu livro de curar ressaca rsrs tinha acabado de escrever um Novo Amanhecer, foram seis meses dentro do universo do câncer e eu precisava de algo leve que me fizesse sorrir, então um dia assistindo filme com minhas filhas surgiu a ideia da lista de coisas a fazer antes dos vinte anos ( no livro a lista também surge depois de assistir a esse filme) a partir daí a ideia de escrever uma comédia romântica se tornou um desafio muito gostoso e quando percebi já estava totalmente envolvida com as aventuras de Luana.

Antes dos 20” tem 131K leituras e 10.1k votos, você esperava por tudo isso ou foi uma surpresa?
Claro que todo autor ao escrever uma história sonha com isso, quer ter seu livro lido e quer receber um bom retorno, mas confesso que Antes dos Vinte se tornou uma grande surpresa para mim, primeiro por ser um gênero que não é minha praia, comédia romântica é um desafio muito grande. Havia também o medo da comparação, afinal de contas Um Novo Amanhecer é um drama, as pessoas ficam emotivas com ele e então surge um livro que faz as pessoas sorriem.... Isso é muito mais do que eu esperava e confesso que estou com um sorriso enorme nos lábios de orgulho dele.

Qual foi uma das melhores coisas que aconteceu com você depois que entrou no Mercado Literário?
Com toda certeza ouvir alguém dizer que começou a ler literatura nacional depois que leu meu livro, isso para mim não tem preço, é muito gratificante saber que de alguma forma estou contribuindo para o crescimento da literatura nacional.

Antes de terminar, gostaria de agradecer por responder tudo e que deixasse aqui um recado para seus leitores e para aqueles leitores que querem ser escritores!
Primeiramente muito obrigada pela oportunidade, gostaria de agradecer a cada um que ler essa entrevista, que se interessa por minhas histórias, muito obrigada a todos que vem falar comigo sobre o quanto gostaram de meus livros e indicam, isso faz tudo valer a pena.
Aos que desejam escrever, meu conselho é, leiam muito, muito mesmo, todos os gêneros Literários, sem preconceito e pesquisem, nossa principal ferramenta de trabalho é a pesquisa, não cansem de revisar, a revisão é a lapidação de sua história, e sempre que puder tenha leitores betas que possam dar a sua opinião sincera sobre seu trabalho. Perseverança, foco e muita fé porque não é fácil, mas não é impossível!

Para finalizar, caso tenha se interessado pelo livro pode encontrá-lo aqui:
Comente pelo Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário